Rastreabilidade e transparência são chave para mercado de alimentos

Veja cinco razões pelas quais os líderes do setor de alimentos devem investir na rastreabilidade para se destacarem no mercado

No passado, a confiança na origem dos alimentos estava enraizada na venda direta pelos produtores locais, tornando a rastreabilidade simples e direta. No entanto, com a globalização e a expansão das cadeias alimentares, essa identificação se tornou mais complexa.

Hoje, é crucial que as informações sobre segurança e procedência estejam acessíveis aos consumidores, a fim de restaurar essa confiança perdida.

A Busca Pela Origem

rastreabilidade, produto

Foto: Envato

Uma pesquisa intitulada “Origem Importa”, conduzida pela empresa neozelandesa Oritain, revelou que 92% dos consumidores brasileiros desejam conhecer a origem dos alimentos que chegam às suas mesas.

Além disso, mais de 90% dos consumidores atribuem alta avaliação aos fabricantes que fornecem informações sobre a procedência de seus produtos.

Além da Rotulagem: A Busca por Transparência

A transparência na procedência dos alimentos tornou-se um diferencial de mercado. Informações detalhadas, como país de produção, métodos de cultivo, sustentabilidade, uso de agrotóxicos e bem-estar animal, são agora requisitos exigidos tanto pelos consumidores quanto pelos reguladores.

A Food Industry Association (FMI) e a NielsenIQ relatam que 72% dos compradores consideram a transparência das informações essencial em sua decisão de compra.

Transição para um Futuro Sustentável

Embora a transparência possa representar um custo para os produtores, é vital para atender às crescentes demandas dos consumidores e varejistas, especialmente no contexto de uma agenda sustentável cada vez mais proeminente.

A adaptação a essas exigências não apenas fortalece a reputação das empresas, mas também torna o consumo consciente mais acessível.

Os Benefícios da Rastreabilidade

A implementação da rastreabilidade ao longo das cadeias de alimentos não apenas garante a procedência dos produtos consumidos, mas também oferece controle de produção e organização de armazéns e centros de distribuição.

Aqui estão cinco razões pelas quais os líderes do setor de alimentos devem investir na rastreabilidade para se destacarem no mercado:

1. Localização em Tempo Real

A rastreabilidade inteligente reduz custos e esforços associados ao mapeamento manual, agiliza o processo de recall e minimiza custos desnecessários. Essa abordagem oferece uma resposta eficaz em situações de emergência.

2. Digitalização da Cadeia

A modernização é uma vantagem competitiva. Empresas inovadoras se destacam ao gerenciar melhor a produção, sincronizando a fábrica com as quantidades, qualidades e tempos de colheita, por meio do uso de dados gerados ao longo da cadeia de suprimentos.

3. Confiabilidade

Fornecer informações transparentes sobre a procedência e os processos de fabricação aumenta a confiança dos consumidores na marca, contribuindo para a fidelização. A credibilidade é um ativo valioso no mercado atual.

4. Garantia da Qualidade

A rastreabilidade não apenas atende às expectativas dos consumidores, mas também assegura a qualidade dos produtos. Dados coletados durante o processo de produção podem gerar insights valiosos para melhorar a qualidade e a aceitação do produto no mercado.

5. Impacto Socioambiental Positivo

A rastreabilidade também pode ser usada para promover iniciativas socioambientais e medidas de sustentabilidade, engajando produtores, distribuidores, varejistas e consumidores em práticas mais conscientes.

Rumo à Integridade Alimentar

A conectividade de todos os pontos da cadeia de suprimentos, desde o plantio até a mesa do consumidor, requer uma plataforma digital que otimize a troca de dados e aumente a transparência.

Informações precisas e disponíveis ajudam a melhorar a eficiência dos produtores e distribuidores, garantindo a integridade dos produtos que chegam às mãos dos consumidores e construindo um futuro mais seguro e sustentável.